Blog Clara Nunes: Março 2011

23 março 2011

Festival de Curitiba-Teatro

Festival de Curitiba
Espetáculo Clara
8,9 e 10 de abril de 2011
Horário: 21h
Local: Teatro Paulo Autran
Elenco: Grasi Schroeder, Marinho Rezendo, Loara Gonçalves, Henrique Silva, Jaqueline Duarte, Mai Pires, Denise Fait, Pedro Vecchi, Nariman Handar, Leda Ribas, Pedro Henrique Nascimento, Andressa Xisto, Mel Maia, Fernanda Bahl, Karina Hasten, Ariadne Putti, Deusuita Xisto, Aliny Bortolon, Taciane Vieira, Jorge Rangel Filho
Ingressos: na bilheteria do Festival R$20,00 inteira e R$10,00 a meia entrada

16 março 2011

Filme Clara Nunes -Produção iniciada

Clara Nunes será homenageada no cinema
“O mar serenou quando ela pisou na areia. Quem samba na beira do mar é sereia”, a para sempre sereia brasileira, Clara Nunes, nos deixou no dia 2 de abril de 1983. Seu samba, sua cor, sua religiosidade, tudo isso ficou saudosamente incrustado na mente e corações dos brasileiros. Matar a saudade dessa grande expoente da cultura afro-brasileira ficará um pouco mais fácil, pois Cristiana Grumbach, diretora do documentário As Cartas Psicografadas de Chico Xavier, encabeça um novo trabalho, o de homenagear Clara, com a idealização de Juliana Tolentino, atriz e produtora de cinema.
Um filme híbrido entre documentário e ficção, foi a solução que a diretora arranjou para a idéia de Juliana. “Quando a ela (Juliana) veio até mim e propôs fazermos um filme sobre a Clara, eu topei na hora”, comenta Cristiana. “Não queria fazer uma biografia no sentido clássico, por isso, resolvemos fazer essa mistura de linguagens”, completa.
A musicalidade da cantora é o ponto alto do filme. “Mostraremos a trajetória musical de Clara. De sua saída de Minas Gerais até alcançar o seu sucesso por esforço próprio. Foi a primeira mulher brasileira a vender 100 mil cópias de discos”, ressalta Cristiana.
Juliana Tolentino, idealizadora do projeto, tem uma relação bem íntima com a cantora. “Sou de Paraopeba, cidade da Clara. Desta forma, sempre quis retratar a vida dela no cinema”, revela Juliana, que, também interpretará a cantora no filme. “Vamos mostrar a Clara como uma das maiores expoentes da cultura nacional. Suas fases musicais e, principalmente o samba”, comenta. “Será um prazer imenso interpreta-la”, emociona-se a atriz.
De acordo com Cristiana, o processo de produção do longa-metragem está em fase final, e, as filmagens começam ainda neste semestre. “Estamos na fase final de organização da papelada. Temos a autorização verbal do Paulo César Pinheiro, viúvo e detentor dos direitos musicais e de imagem dela. Mas ainda falta formalizarmos”, adianta a diretora. “Assim que formalizarmos, vamos começar a filmar. A primeira locação será em Minas”, revela Cristiana.
Juliana esteve em Caetanópolis, cidade natal de Clara, e conversou com a família da Clara. “A família está muito feliz com esse projeto”, comenta.
O lançamento do filme está previsto para o primeiro semestre de 2012. “São várias fases de produção. Até o lançamento teremos muito trabalho”, finaliza Cristiana.
No interior mineiro, Clara nasceu em Caetanópolis, onde viveu até os seus 16 anos. Filha mais nova de sete irmãos, ela recebeu o dom musical de seu pai, o violeiro Mane Serrador, que participou durante muito tempo da Folia de Reis local. Mudou-se para Belo Horizonte, onde conheceu o violonista Jadir Ambrósio, que, admirado com a voz de Clara, a levou ao programa de rádio Degraus da Fama. Vencedora do concurso A Voz de Ouro ABC, Clara Francisca, mudou de nome, como também, para o Rio de Janeiro. Lá, apresentou-se nos programas televisivos de José Messias, Chacrinha, Almoço Com as Estrelas e Programa de Jair do Taumaturgo, antes de aderir ao samba.
Pesquisadora da cultura popular e folclore brasileiro, ela chegou a excursionar por alguns países africanos, levando um pouco do Brasil àqueles países. Converteu-se à Umbanda, fato que marcou sua música, e, gravou diversos sambas-enredo da Portela, sua escola de samba de coração.
No começo deste mês, Clara foi homenageada pela Portela com um busto exposto na quadra da escola.
http://www.jornaldebrasilia.com.br/site/noticia.php?id=325336

02 março 2011

Clara - Carnaval

Osmar do Cavaco e Clara em 1974
Foto:Compositores da Portela
A escola de samba Portela, amada por Clara Nunes em ritmo de carnaval.
Rever estas imagens de Clara é sempre agradável lembrança.
Bom carnaval prá todos!
Clara recebendo disco de ouro no Portelão.
Foto cedida por Sandra-RJ.
Foto: GresPortela